O Instagram como dispositivo de construção de mercado nas redes sociais

a intimidade distinta como variável central junto aos influenciadores de fitness

Autores

Palavras-chave:

Sociologia Econômica, Instagram, intimidade, distinção, fitness

Resumo

As redes sociais estão construindo novas relações sociais e com elas novas formas de compra e venda de produtos e ideias. O fenômeno dos influencers – pessoas que angariaram status de celebridade por meio do aplicativo Instagram – começou a movimentar um mercado online a partir de postagens fotográficas, ao combinar a intimidade dessas pessoas com o patrocínio de empresas, exibindo marcas e propagandas dentro de perfis pessoais. A presente pesquisa busca identificar as novas formas de mercado dentro das redes sociais no Brasil, utilizando o aplicativo de fotografia Instagram como objeto de análise e tendo como recorte empírico os influenciadores de fitness. Queremos identificar as variáveis que ajudam a compor o sucesso desse aplicativo enquanto movimentador do mercado nas redes sociais, por intermédio de influencers. Os resultados apontam, em diálogo com a bibliografia, o papel da intimidade na fabricação desse mercado. Contudo, avançando um pouco mais na bibliografia, mapeamos o tipo de intimidade que é vendida, por meio do estudo da biografia de quatro importantes influencers, além de mapearmos os contratos e valores movimentados por esses agentes. Nossa inspiração teórica vem da sociologia econômica dos mercados e de conceitos de Bourdieu.

Biografia do Autor

Maria Jardim, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Livre Docente em Sociologia. Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais

Luana, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Mestranda em Ciências Sociais. Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais

Referências

Amaral, Rafaela. (2019,7 dez.) Mãe de Gabriela Pugliesi, Vera Minelli conversa com a coluna. Coluna Claudia Meireless. Metrópoles. Disponível em: https://www.metropoles.com/colunas-blogs/claudia-meireles/mae-de-gabriela-pugliesi-vera-minelli-conversa-com-a-coluna. Acesso em 18 fev. 2021.

Barrucho, Luís. (2020, 27 abr.). Caso Gabriela Pugliesi: por que é perigoso fazer uma festa em meio à pandemia de coronavírus. BBC News Brasil. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/salasocial-52442522. Acesso em:18 jan. 2021.

Bonini, Marina. (2019, 15 ago.). Juju Salimeni celebra sucesso em sua mansão: "Conquistei tudo na minha vida com o meio fitness". Quem, Casa dos famosos. Disponível em: https://revistaquem.globo.com/Casa-dos-Famosos/noticia/2019/08/juju-salimeni-celebra-sucesso-em-sua-mansao-conquistei-tudo-na-minha-vida-com-o-meio-fitness.html. Acesso em: 22 fev. 2021.

Bourdieu, Pierre. (2009). A distinção: crítica social do julgamento. Edusp; Zouk.

Bourdieu, Pierre. (2006). As estruturas sociais da economia. Campo das Letras.

Bourdieu, Pierre, & Passeron, Jean-Claude. (2014). Os herdeiros: os estudantes e a cultura. Editora da UFSC.

Campos, Gabriela, Faria, Hila, & Sartori, Isabela D. (2019). Cultura da estética: o impacto do Instagram na subjetividade feminina. Cadernos de Psicologia, 1(2), 310-334.

Conar - Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária. (2021). Guia de publicidade por influenciadores digitais. Conar. Disponível em: http://conar.org.br/pdf/CONAR_Guia-de-Publicidade-Influenciadores_2021-03-11.pdf Acesso em: 13 jan. 2021.

Conar - Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária. (1980). Código Brasileiro de Autorregulamentação Publicitária. Conar. Disponível em: http://www.conar.org.br/ Acesso em: 13 jan. 2021.

Dubois, Philippe. (1994). O ato fotográfico e outros ensaios. Papirus.

Elias, Norbert. (2011). O processo civilizador (Vol. 1: Uma história dos costumes. 2. ed.). Zahar.

Extra. (2017, 14 maio). Gracyanne Barbosa recorda infância dura com a mãe: ‘ela deixava de comer para dar a nós’. Extra. globo.com. Disponível em: https://extra.globo.com/famosos/gracyanne-barbosa-recorda-infancia-dura-com-mae-ela-deixava-de-comer-para-dar-nos-21334392.html. Acesso em 23 fev. 2021.

Facioli, Lara, & Padilha, Felipe. (2020). Apresentação. Sociologia digital – tópicos e abordagens teórico-metodológicas da pesquisa social no século XXI. Estudos de Sociologia, 25(48). https://doi.org/10.52780/res.13978

Fisiculturismo. (2020, 14 dez.). In: Wikipedia. https://pt.wikipedia.org/wiki/Fisiculturismo.Acesso em 24 fev. 2021.

G1. (2020, 20 jul.). Gabriela Pugliesi volta ao Instagram após críticas por festa durante a pandemia. G1, Pop & Arte. Disponível em:https://g1.globo.com/pop-arte/noticia/2020/07/20/gabriela-pugliesi-volta-ao-instagram-apos-criticas-por-festa-durante-a-pandemia.ghtml. Acesso em 18 jan. 2021.

GrisLab - Laboratório de Análise de Acontecimentos. (2018, 6 set.). Gabriela Pugliesi. GrisLab, Celebridades. Disponível em: https://grislab.com.br/celebridades/gabriela-pugliesi/ Acesso em:18 fev. 2021.

Igarza, Roberto. (2010). Nuevas formas de consumo cultural: por qué las redes sociales están ganando la batalla de las audiencias. Comunicação, Mídia e Consumo, 7(20), 59-90, 2010. http://dx.doi.org/10.18568/cmc.v7i20.205

Instituto Qualibest. (2018). Os maiores influenciadores do Brasil – 2018. Disponível em: https://www.institutoqualibest.com/wp-content/uploads/2018/07/InstitutoQualiBest_Estudo_InfluenciadoresV4.pdf

Instituto Qualibest. (2019). O post é pago, e aí? Desvendando e quantificando a relação entre os internautas e as ações de marcas com influenciadores digitais. Dispon[ivel em: https://www.institutoqualibest.com/wp-content/uploads/2019/11/O-post-e-pago.-e-ai.pdf.

Jacob, Helena. (2014). Redes sociais, mulheres e corpo: um estudo da liguagem fitness na rede social Instagram. Revista Comunicare, 14(1), 88-105.

Jardim, Maria C. (2021). A construção do mercado de afeto: o caso das agências de casamento. Revista Pós-Ciências Sociais, 18(1), 43-62. https://doi.org/10.18764/2236-9473.v18n1p43-62

Jardim, Maria C. (2019). Para além da fórmula do amor. Revista Política e Sociedade, 18(1), 43-76. https://doi.org/10.5007/2175-7984.2019v18n43p46

Jardim, Maria C. (2018). Governo Cardoso (1995-2002) e Governo Lula (2003-2010): homologia entre trajetórias dos ministros e crenças econômicas estatais vigentes [Tese de Livre Docência, Universidade Paulista Júlio Mesquita]. Não publicada.

Leitão, Débora K, & Gomes, Laura G. (2017). Etnografia em ambientes digitais: perambulações, acompanhamentos e imersões. Revista Antropolítica, 1(42), 41-65. https://doi.org/10.22409/antropolitica2017.1i42.a41884

Lemos, Alexandre Z., & Sacchitiello, Bárbara. (2019, 25 jan.). Por publicidade velada, influenciadores lideram condenações do Conar. meio&mensagem. Disponível em: https://www.meioemensagem.com.br/home/comunicacao/2019/01/25/por-publicidade-velada-influenciadores-lideram-condenacoes-do-conar.html. Acesso em: 13 jan. 2021.

Pelegrini, Thiago. (2004). Imagens do corpo: reflexões sobre acepções corporais construídas pelas sociedades ocidentais. Revista Urutágua, (8).

Pereira, Vinicius. (2019, 22 nov.). Sabe quanto pode ganhar um influenciador digital por mês? Uol, Economia. Disponível em: https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2019/11/22/influenciadores-digitais-trabalho-faturamento-digital-influencer.htm Acesso em 25 fev. 2021.

Prickett, Sarah. N. (2013, 6 nov.). Look out, it’s Instagram envy. The New York Times [Style Magazine].

Quem Online. (2018, 15 abr.). Felipe Franco vence competição de fisiculturismo nos EUA e ganha homenagem de Juju Salimeni. Globo.com, Quem News. Disponível em:https://revistaquem.globo.com/QUEM-News/noticia/2018/04/felipe-franco-vence-competicao-de-fisiculturismo-nos-eua-e-ganha-homenagem-de-juju-salimeni.html. Acesso em 24 fev. 2021.

Steiner, Philippe. (2016). Altruísmo, dons e troca simbólica. UNESP.

Setton, Maria da Graça J. (2017). Crença. In A. M. Catani et al. (org.), Vocabulário Bourdieu (1. ed., p. 134). Autêntica Editora.

Simões-Gomes, Letícia, Roberto, Enrico, & Mendonça, Jônatas. (2020). Viés algorítmico – um balanço provisório. Estudos de Sociologia, 25(48), 139-166. https://doi.org/10.52780/res.13402

Sousa, Ingridy. (2020). O mercado fitness no Brasil segundo o Report Global IHRSA 2020. Pacto Blog. Disponível em:https://blog.sistemapacto.com.br/o-mercado-fitness-no-brasil-segundo-o-report-global-ihrsa-2020/. Acesso em 20 jan. 2021.

Statista. (2021). Number of Instagram users worldwide from 2020 to 2025. https://www.statista.com/statistics/183585/instagram-number-of-global-users/

Terra, Carolina. (2017). Do broadcast ao socialcast: apontamentos sobre a cauda longa da influência digital, os microinfluenciadores. Revista Communicare, 17(ed. esp.), 80-101.

Thibes, Mariana Z. (2017). O mercado da intimidade: a relação entre vida pessoal e esfera econômica. Estudos de Sociologia, 22(43), 321-341. https://doi.org/10.52780/res.10262

Zelizer, Viviana A. (2011). A negociação da intimidade (Coleção Sociologia). Vozes.

Downloads

Publicado

06/26/2022