Públicos de cinemas em foco: interações, sociabilidades e os significados do estar lá, vendo e sendo visto

Autores

  • Bianca Salles Pires

DOI:

https://doi.org/10.20336/rbs.122

Resumo

No presente artigo analiso as interações e sociabilidades que ocorrem entre os frequentadores de cinemas nos dias atuais. A partir da perspectiva de que a ida ao cinema abrange mais do que o ir assistir ao filme, incluindo: encontros “ao acaso”, flertes, conversas, avaliação dos objetos artístico, redes de conhecidos que se estabelecem nos ambientes das salas, registros fotográficos, partilhamento das experiências na internet, entre outros. Para tanto, me atenho aos dados das pesquisas etnográficas realizadas junto aos públicos de três cinemas no bairro de Botafogo, Rio de Janeiro. Ao dar foco as sociabilidades presentes nos cinemas, percebemos a existência de “novas” diferenciações e distinções, que se tornam perceptíveis a partir da observação dos significados que o “estar lá, vendo e sendo visto” adquirem para os públicos e como atualmente se estendem às redes virtuais.

Downloads

Publicado

14-12-2015

Edição

Seção

Artigos